Instruções para Uso do Controle de Versão

Instruções para Fork do projeto poker-python e configuração do ambiente:

  1. Entre em https://bitbucket.org/helioh2/poker-python
  2. Instale o Mercurial
    1. Linux
      sudo apt-get install mercurial
    2. Windows:
  3. Instale o plugin para Eclipse/LiClipse do Mercurial:
    1. Vá em Install New Software no Mercurial
    2. Coloque a URL: http://mercurialeclipse.eclipselabs.org.codespot.com/hg.wiki/update_site/stable
    3. Selecione a release stable e bota pra instalar
  4. Aceite o convite do Bitbucket que eu vou enviar e cadastre-se
    1. O que é o Bitbucket?
      • É um serviço de hospedagem de projetos controlados através do Mercurial. Ele permite a você criar repositórios remotos, facilitando o trabalho em equipe e permitindo o compartilhamento de código livre. É similar ao GitHub e SourceForge.
  5. Dê um fork no meu projeto do Bitbucket que eu compartilhar (só clicar em Fork na página). Link: https://bitbucket.org/helioh2/poker-python
    1. O que é Fork?
      • “Fork” em inglês significa “garfo”, “bifurcação” ou “ramificação”. Este nome é devido ao fato de que, ao fazer um Fork em um repositório, você copia ele para você utilizar isoladamente. Assim cria-se um nova ramificação do projeto original. Um projeto com vários forks é como se fosse um galho que se ramifica em outros galhos, lembrando o formato de um garfo.
  6. Clone o projeto ou importe pelo Eclipse:
    1. Pelo Eclipse (RECOMENDADO!!):
      1. Vá em File->Import, escolha “Clone existing Mercurial Repository”
      2. Cole a URL do projeto de vocês (o fork de vocês, essa URL vai estar na página do Bitbucket numa caixinha escrita HTTPS e tal). Coloque a senha, a pasta que quiserem, e deem Next, escolham o Default, Next e Finish
      3. Pronto! O projeto deverá estar clonado e pronto para ser editado em sua workspace
    2. Por terminal:
      1. Entre na pasta de preferência e digite hg clone <url-do-fork>
      2. Abra/importe o projeto no Eclipse
  7. Submetendo mudanças para o seu repositório local e remoto:
    1. Clique com o botão direito do mouse sobre o projeto, vá em Team -> Commit. Confirme os arquivos modificados e escreva uma mensagem que descreva a modificação feita
      1. O que é o Commit?
        1. Quando você clonou o código para sua máquina, o Mercurial também criou um repositório local para seu código. Um repositório Mercurial mantém o histórico de mudanças no código. Isto significa que seu código modificado somente estará consolidado pelo Mercurial e registrado no histórico de mudanças somente quando você der um Commit localmente. O Commit inclui uma mensagem personalizada para você indicar quais foram as mudanças realizadas
    2. Clique novamente sobre o projeto, vá em Team -> Push. Confirme a URL do seu repositório, seu usuário e senha no Bitbucket e dê Finish.
      1. O que é o Push?
        1. O comando Push é um dos comandos de sincronização entre repositórios. Quando você dá um Push, todos os seus últimos Commits são submetidos para o repositório remoto (no nosso caso, no Bitbucket). Assim você garante que suas modificações consolidadas localmente agora estão disponíveis no repositório remoto para que outras pessoas possam atualizar seus repositórios locais utilizando o comando Pull.
  8. Puxando mudanças feitas por outras pessoas de um repositório remoto:
    1. Após dar Commit no seu código, clique com o botão direito do mouse sobre seu projeto, vá em Team -> Pull. Aqui, coloque a URL do repositório remoto que você deseja puxar as mudanças. Por exemplo, se quiser puxar as mudanças feitas pelo professor no projeto poker-python, coloque a URL https://bitbucket.org/helioh2/poker-python. Se quiser puxar mudanças que um colega submeteu no mesmo repositório que você está usando (o seu fork), ou que você fez em outro computador, coloque a URL https://bitbucket.org/<seu login>/poker-python. Confirme seu usuário e senha.
  9. Resolvendo conflitos:
    1. Às vezes, você faz uma modificação local que entra em conflito com a modificação que outra pessoa fez (e.g., editaram a mesma linha no código). Quando você dá um Pull do repositório remoto e ele detecta conflito, vai aparecer uma mensagem avisando isso, e os arquivos em que há conflito ficarão com um símbolo vermelho do lado. Para resolver o conflito:
      1. Clique com o botão direito sobre o arquivo conflitante, vá em Team -> Merge.
      2. Vai abrir uma tela de comparação com a sua versão do código do lado esquerdo e a que veio do repositório remoto do lado direito. Ali você pode ajeitar o lado esquerdo, tendo a opção de puxar aquilo que você quer que fique do lado direito.
      3. Depois de arrumar seu código usando essa ferramenta de comparação e salvar, clique com o botão direito novamente sobre o arquivo, e vá em Team -> Mark as Resolved. Isso vai fazer o Mercurial entender que você já resolveu o conflito. O sinal vermelho vai sair, e agora basta você dar um commit nas mudanças que houveram com a resolução do conflito e dar push para o repositório remoto.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s